IFSP-CJO realiza II SELIV

O II Seminário de Estudos Linguísticos do Vale do Paraíba (SELIV), realizado no último dia 31 de agosto no Câmpus Campos do Jordão, foi um sucesso! Com o tema LÍNGUA, LITERATURA E ENSINO: DIÁLOGOS ACADÊMICO-PEDAGÓGICOS, o II SELIV aproximou atividades de ensino, pesquisa e extensão.

O evento foi financiado pela reitoria do IFSP e contou também com a colaboração do IFSP Câmpus Suzano e com governo do estado de São Paulo, em parceria com o Alojamento do Museu Felícia Leirner, que recebeu os alunos do IFSP. Tivemos também o apoio de estabelecimentos e instituições, tais como Câmara Municipal de Campos do Jordão, Hotel Moinho Itália, Universidade Federal Fluminense, Academia Duda Fitness e restaurante Cacerola.

O SELIV abriu a sua programação com a palestra Pra quê serve um curso de Letras do Prof. José Luiz Fiorin (USP). Na sequência, pesquisadores das 5 regiões do Brasil apresentaram seus trabalhos na área de línguas no formato de comunicação oral e pôster.

No período da tarde, o público pôde participar de minicursos de Língua Portuguesa, Língua Inglesa, Língua Espanhola, LIBRAS e Literatura com professores das universidades federais de São Paulo, Rio de Janeiro, Viçosa e Instituto Federal de São Paulo.

Minicursos

  • “O Fantástico e o Sobrenatual na Literatura para Jovens” (Juliana Topan, IFSP)
  • “Perspectivas Teóricas e o Ensino de Inglês” (Marcello Marcelino, Unifesp)
  • “Contribuições da Fonologia para o Ensino” (Eliete Silveira, UFRJ)
  • “(Anti) Políticas para a Ensinagem e a Formação de Professores de Espanhol” (Antonio Ferreira, UFRJ)
  • “Dicionário LIBRAS/ Português: possibilidades na prática pedagógica” (Ana Luisa Borba Gediel, UFV)

O II SELIV encerrou o seu dia com a mesa-redonda Práticas de Escrita na Escola mediada pelo professor Marcello Marcelino (Unifesp) e composta pelos professores Orlando Vian Junior (viés linguístico) e Renata Philippov (viés literário), ambos da Universidade Federal de São Paulo.

SELIV em números

  • 59 trabalhos aceitos para apresentação de pôsteres
  • 89 trabalhos aceitos para comunicação oral
  • 316 inscritos

O SELIV também contou com a participação de grupos de alunos e professores dos campi Avaré, Capivari, Pirituba, Registro, São João da Boa Vista, São Paulo, São Roque, Sorocaba e Suzano do IFSP, bem como com grupos da CEFET-MG, Centro Universitário Teresa D´Ávila, Escola de Especialistas da Aeronáutica, Mackenzie, UERJ, IFB, IFF, IFGO, IFRJ, PUC, UNESP Assis, UFBA, Unifesp, UFF, UFJF, UFMS, UFPR, UFSCAR, UFRO, Universidade São Bento do Sapucaí, USP, Unitau dentre outros.

A comissão organizadora do II SELIV agradece imensamente à reitoria do IFSP, a todos os participantes, professores convidados, avaliadores, mediadores, alunos-monitores, colaboradores e a todos os envolvidos direta ou indiretamente no evento. Que venha o 3º SELIV!

“Agradeço vivamente o carinho com que fomos recebidos. O seminário foi maravilhoso.

José Luiz Fiorin, USP

“Lindo e motivante trabalho da comissão organizadora.”

Antonio Ferreira, UFRJ

“Uma injeção de afetividade para continuar seguindo com bastante esperança na vida de pesquisador e docente... Foi, sem dúvidas, um dos melhores que já participei.”

Douglas Vidal, Unifesp

“Um evento que valeu a pena... rendeu, aprendi, vi trabalhos interessantes... Me surpreendi.”

Letícia Amaral, Unifesp

Depoimento:

"Tive o prazer de participar do 2º SELIV como palestrante de minicurso e pude acompanhar todas as atividades acadêmicas previstas para o dia, entre elas, conferência, comunicações orais, pôsteres, minicursos e mesa redonda. Em primeiro lugar, gostaria de destacar a experiência que o evento possibilitou ao permitir a interlocução dos participantes com um público bastante eclético: alunos do ensino médio, licenciandos, professores em serviço da área de Letras e outras áreas, acadêmicos de pós-graduação e demais pesquisadores. Essas diferentes fases formativas e olhares para as questões da linguagem só enriqueceram ainda mais o evento e o debate. Foi muito bonito acompanhar, por exemplo, as perguntas de alunos dos primeiros períodos de Letras para nosso querido professor José Luiz Fiorin. Segundo, destaco a qualidade das comunicações orais e pôsteres que pude acompanhar e dialogar com os pesquisadores. Muitos viram no Seliv a oportunidade de apresentar pela primeira vez os dados parciais de suas pesquisas em desenvolvimento. Contar com um evento que promova esse debate na região do Vale do Paraíba me parece fundamental para o crescimento das discussões sobre políticas de ensino de línguas na região. Além disso, vale destacar que o seminário é gratuito e isso o torna bastante acessível. Terceiro, como professor de língua espanhola, fiquei muito feliz com a presença de licenciandos de Letras (Português/Espanhol) do 2º período do IFSP, campus Avaré, e de professores da área de Letras, Geografia e Engenharia no meu minicurso sobre políticas linguísticas para o ensino de línguas. A troca com os colegas de diferentes áreas permitiu construir sentidos para a necessidade de políticas educacionais mais coerentes para o aluno da educação básica e da escola contemporânea que queremos. Por último, não posso deixar de destacar todo o carinho e zelo da comissão organizadora com os professores convidados para o seminário. A gentileza começou já na troca de e-mails e foi ampliando nas questões de ordem logística e na estadia na linda Campos do Jordão. Parabenizo toda a comissão organizadora pela qualidade do trabalho e a resistência de acreditar na importância do diálogo em momentos tão difíceis para a educação brasileira. Com certeza, ter participado do Seliv já é uma memória muito carinhosa em minha trajetória profissional. Que venham muitas edições do Seliv nos próximos anos!!”

Antonio Ferreira, UFRJ

Fotos

Veja, abaixo, algumas imagens do evento ou clique aqui para ver todas as fotos.

Imagem 1: 2019 SELIV Abertura Oficial - Pró-reitor de Desenvolvimento do IFSP, Diretor Geral do IFSP - CJO, Secretária de Educacao de CJO e Presidente do II SELIV.

Imagem 2: Conferencia de Abertura com o professor José Luiz Fiorin (USP).

Imagem 3: Silmário (Pró-reitor de Administração do IFSP), Stefanie (Presidente do II SELIV), Fiorin (USP), Walter (Diretor Geral IFSP-CJO), José Roberto (Assessor de Administração e Finanças IFSP).

Imagem 4: Lugar de mãe? É onde a gente quiser, inclusive em evento acadêmico trocando ideia com o Fiorin.

Imagem 5: Sessão de pôster.

Imagem 6: Sessão de pôster.

Imagem 7: Parte da Comissão Organizadora.

Imagem 8: Parte dos alunos-monitores.

Imagem 9: Café de Encerramento.

Vem aí a 2ª edição do SELIV
"Língua, Literatura e Ensino: diálogos acadêmico-pedagógicos"
EVENTO GRATUITO

Presenças confirmadas:

  • Professor José Luiz Fiorin (USP)
  • Professor Marcello Marcelino (UNIFESP)
  • Professora Eliete Silveira (UFRJ)
  • Professor Antonio Ferreira (CAP-UFRJ)
  • Professora Renata Philippov (UNIFESP)
  • Professor Orlando Vian Jr. (UNIFESP)
31 de agosto de 2019

Sobre o evento

Dentre as missões dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, está a de orientar os processos de formação com base nas premissas da integração entre Ciência, Tecnologia, Trabalho e Cultura; além da missão de desenvolver a capacidade de investigação científica como dimensão essencial à manutenção da autonomia e dos saberes necessários à atuação profissional, traduzida nas ações de Ensino, Pesquisa e Extensão.

Nesse sentido, o Seminário de Estudos Linguísticos do Vale Paraíba – SELIV – é um evento, já em sua segunda edição, promovido pelo IFSP, câmpus de Campos do Jordão, que busca contribuir para a formação inicial e continuada de professores e alunos das áreas de línguas e educação. É muito importante que os futuros e atuais professores e pesquisadores de toda a região possam contar com a contribuição do IFSP, com propostas que lhes ofereçam subsídios para a prática e o processo de reflexão pessoal acerca do ensino e da língua em si.

O tema delimitado para o II SELIV foi: “Língua, Literatura e Ensino: diálogos acadêmico-pedagógicos”. O objetivo é possibilitar que ações da prática didática possam se relacionar com as de pesquisa, pressupondo a visão de que todo professor pode e deve ser um pesquisador ativo e participativo.

Ser docente é uma atividade que exige constante reflexão e pesquisa, a fim de que o processo educativo possa ser significativo e de qualidade para toda a comunidade escolar. O conhecimento do professor e o modo como ele atua em sala de aula interferem diretamente na formação integral do aluno, na formação do cidadão. Faz parte desse processo o modo como o profissional entende as concepções de língua, escrita, leitura e literatura, que são noções complexas e conectadas com as constituições do próprio sujeito. Essas questões, abordadas por diferentes ângulos e linhas teóricas, precisam encontrar espaço para serem debatidas e aprimoradas, tendo em vista nosso objetivo maior, a saber, alcançar uma educação de cada vez mais qualidade oferecida aos nossos alunos. Daí a ideia do SELIV, um encontro que pode proporcionar um ambiente rico em interlocuções.

Destacamos sempre o léxico “formação”, em contradição ao que se veicula comumente como “capacitação” ou “treinamento”. Conforme apontado por Orlandi (2014, p.167), formar implica construir o conhecimento e saber necessários para “constituir-se em uma posição de sujeito que possa discernir, e reconhecer, os efeitos de sua prática na formação social de que faz parte”. Tanto alunos quanto professores bem formados são capazes de se posicionar criticamente diante da sociedade, de acordo com a posição social em que estiverem inscritos. Já “capacitação” e “treinamento” produzem sentidos de uso de técnicas, como se o conhecimento fosse algo passível de ser sistematizado, formatado, produzido para um determinado fim. A proposta de realização do II Seminário de Estudos Linguísticos do Vale do Paraíba – II SELIV vai ao encontro dessa compreensão de formação.

Ademais, o seminário também se alinha ao objetivo do IFSP de consolidar uma práxis educativa que contribua para a inserção social, a formação integradora e a produção de conhecimento. No que diz respeito à proposta de atividades que visem à integração entre Ensino, Pesquisa e Extensão, o II SELIV se configura como uma ação de Extensão, uma práxis educativa, cujo objetivo principal é a formação integradora docente. Para além disso, busca atender à demanda de formação acadêmica, científica e cultural de docentes e discentes de línguas da região, contribuindo, assim, para a qualidade do ensino de língua materna e línguas estrangeiras nas escolas de educação básica do Vale do Paraíba.

Em 2017, tivemos a primeira edição do SELIV, cuja temática foi: “Língua, Discurso e Cultura: reflexões sobre o ensino na sala de aula contemporânea”. O evento contou com a participação de 150 professores e alunos da região e trouxe palestrantes renomados como Marcos Bagno (UnB), Manoel Luiz Gonçalves Corrêa (USP), Norma Goldstein (USP), Sandro Luis da Silva (Unifesp), Mercedes Sebold (UFRJ), dentre outros grandes educadores da área. O seminário ofereceu aos docentes e discentes participantes a possibilidade de atuarem como interlocutores em palestras, mesas-redondas, minicursos, além de apresentarem suas pesquisas, no formato de pôster ou comunicação oral.

A segunda edição do SELIV acontecerá no dia 31 de agosto de 2019 e já tem como presenças confirmadas pesquisadores como: José Luiz Fiorin (USP), Eliete Silveira (UFRJ), Renata Philippov (Unifesp), Marcelo Marcellino (Unifesp), Antônio Ferreira (CAP-UFRJ) e Orlando Vian Jr (Unifesp).

Nossa expectativa é a de que o evento possa se fortalecer cada vez mais, contando com a adesão dos profissionais da educação dos institutos federais e de outras unidades de ensino da região.